História da Assembleia de Deus será contada nos cinemas - voxnoar
Whatsapp (75) 8370-6060 / Fone (75) 3424-2048

História da Assembleia de Deus será contada nos cinemas









Quando os suecos Daniel Berg e Gunnar Vingren chegaram ao Brasil, em 1910, eles não sabiam que estavam iniciando uma história que poderia virar um filme.
Antes de a dupla desembarcar em Belém do Pará, já tinha vivido a experiência do “batismo com o Espírito Santo”, durante o período conhecido como avivamento, em Los Angeles e Chicago, EUA.
Segundo os missionários, Deus os havia enviado para trazer a mensagem pentecostal ao Brasil. O chamado, que eles descreveram como sobrenatural, aconteceu através de uma profecia e a revelação foi que eles deveriam ir pregar o Evangelho no “Pará”.

Início da Assembleia de Deus no Brasil

Somente depois de buscarem no mapa mundial onde ficava esse lugar, foi que descobriram que se tratava da região norte do solo brasileiro. Em obediência ao chamado foi que eles chegaram até aqui.
Vingren e Berg não falavam a língua portuguesa, não tinham recursos financeiros e nem eram mantidos por alguma associação missionária.
No início, participaram de cultos em igrejas protestantes e cantavam hinos em sueco. Assim que dominaram o idioma passaram a falar da salvação em Cristo, “trazendo o batismo com o Espírito Santo”, cura divina e dons espirituais.
Foi assim que a Assembleia de Deus deu início aos seus trabalhos no Brasil. Atualmente, a denominação é a segunda maior do Brasil, atrás da igreja católica.
Toda essa aventura será contada pela Paris Entretenimento que vai produzir um longa-metragem. Suas primeiras filmagens estão previstas para o primeiro semestre de 2019. Por enquanto, não há diretor, roteiristas ou elenco definidos. A fase agora é de planejamento.
Com informações Folha de S. Paulo
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial