Senado aprova reajuste e ministros do STF vão receber R$ 39 mil por mês - voxnoar
Whatsapp (75) 8370-6060 / Fone (75) 3424-2048

Senado aprova reajuste e ministros do STF vão receber R$ 39 mil por mês



Para entrar em vigor, proposta precisa ser sancionada pelo presidente Michel Temer, que tem poder de veto, mas não deve contrariar decisão dos senadores



39 mil 293 reais e 32 centavos. Esse será o novo salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). O reajuste de 16% foi aprovado nesta quarta-feira (7) por 41 votos a 16 no Senado Federal. Para entrar em vigor, a proposta precisa ser sancionada pelo presidente Michel Temer.
Até então, os magistrados recebiam o valor máximo do funcionalismo público: 33 mil 763 reais. O aumento de mais de 5 mil e 500 reais tem validade a partir da sanção presidencial. Temer pode barrar a proposta, mas não deve contrariar a decisão dos senadores. Raquel Dodge, procuradora-geral da República, também será beneficiada com o reajuste.
O aumento nos salários dos ministros pode ter um impacto ainda maior no orçamento público, no chamado efeito-cascata, já que o novo valor representa o teto do funcionalismo público. Com o limite mais alto, sobe também a quantidade de servidores que podem receber um valor maior de gratificações e verbas extras.
De acordo com estimativas da Câmara e do Senado, o reajuste poderá causar um impacto de R$ 4 bilhões nas contas públicas, considerando o Executivo, Legislativo, Ministério Público e também os estados.
O reajuste havia sido criticado esta semana pelo presidente eleito Jair Bolsonaro. Para ele, este não era “o momento de se aumentar despesas”, o que “só aumentaria o déficit do próximo ano”.
Reportagem, Tácido Rodrigues 
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial